Atlético e Cruzeiro estreiam nas oitavas da Copa do Brasil

117
Dedé

Quando Atlético-PR e Cruzeiro entrarem em campo nesta quarta-feira, 16 de maio, para abrir sua participação nas oitavas de final da Copa do Brasil edição 2018, quatro times já terão garantido vaga nas quartas de final. Porém, o calendário intenso das duas equipes fez com que o jogo fechasse a rodada de ida das oitavas de final do torneio.

O início da partida, que será realizada na Arena da Baixada, em Curitiba, está marcado para 21h45 (horário de Brasília), pouco depois da definição do quarto classificado para a próxima fase no duelo entre Chapecoense x Atlético-MG. Grêmio, Flamengo e Corinthians garantiram suas vagas na semana passada.

Newell´s x Atlético-PR
Classificado para a segunda fase da Copa Sul-Americana, o Furacão encara o Cruzeiro na Copa do Brasil

O duelo de volta só será realizado depois da Copa do Mundo da Rússia 2018. A Confederação Brasileira de Futebol marcou o encontro no Mineirão para 16 de julho.

Equipes têm estilo de jogo similar

O calendário apertado não é a única semelhança das equipes. O estilo de jogos adotado tanto pelo técnico Fernando Diniz, do Atlético-PR, quanto Mano Menezes, do Cruzeiro, segue a linha consagrada pelo técnico tetracampeão mundial com a seleção brasileira, Carlos Alberto Parreira, que costumava dizer que “gol é apenas um detalhe”.

Para os treinadores, a posse de bola é a obsessão. Mas não necessariamente para transformar isso em oportunidades de marcar. O principal motivador para que os times tenham o controle da pelota é evitar que o rival crie oportunidades. Assim, na maior parte do tempo, o toque de bola é extremamente defensivo, se limitando a ganhar tempo.

Depois da folga, titulares reforçam o Furacão

Atuando dessa maneira, o Atlético-PR perdeu as três últimas partidas e não alcança uma vitória há mais de um mês. Fez seis jogos nesse período. Está rondando a zona de rebaixamento do Brasileirão, mas conseguiu a classificação para a segunda fase da Copa Sul-Americana ao eliminar os argentinos do Newell’s Old Boys.

Para o duelo desta quarta-feira, Diniz deve voltar a contar com o veterano zagueiro Thiago Heleno; e os meias Lucho Gonzalez e Matheus Rosseto. Desgastados, eles ficaram de fora da derrota no domingo, 13 de maio, para o Atlético-MG, por 2 a 1, também em Curitiba.

Nikão
O atacante Nikão deve ser relacionado entre os titulares do Atlético-PR

Porém, no jogo, perdeu dois laterais contundidos. Jonathan, que atua pela direita, e Renan Lorde, que joga pela esquerda, dificilmente serão liberados para atuar nesta quarta-feira.

Às vésperas de clássico, Cruzeiro deve poupar atletas

O Cruzeiro não pensa em outra coisa a não ser o duelo contra o Atlético, mas não o paranaense. A Raposa tem o confronto com o arquirrival mineiro marcado para o sábado, 19 de maio, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Isso pode fazer com que o técnico Mano Menezes não use todos os seus titulares em Curitiba.

Da equipe principal, o único que está garantido no jogo é o zagueiro Dedé, que foi surpreendentemente incluído na lista de 35 jogadores convocados para a seleção brasileira para a Copa do Mundo da Rússia de 2018.

Dedé
Convocado pela seleção brasileira, Dedé está relacionado para encarar o Furacão

Dificilmente será incluído na relação de 23 – já definida, mas que pode ser mudada em caso de contusão. Porém, a atitude do técnico Tite, que nunca tinha convocado o defensor antes, serviu como uma espécie de prêmio por seu retorno depois de passar por duas contusões muito graves.

Dedé foi advertido com o cartão amarelo na vitória do Cruzeiro, em Belo Horizonte, por 2 a 0, em partida pela quinta rodada do Brasileirão. Foi o terceiro da série. Assim, terá que cumprir suspensão no clássico contra o Atlético-MG. Como não pode atuar no sábado, tem sua escalação garantida para o jogo da noite desta quarta-feira na capital paranaense.