Grêmio abre mata-mata para buscar o bi da Copa Libertadores

57
Gremio comemora

Depois de pouco mais de dois meses de paralisação devido à realização da Copa do Mundo da Rússia e do calendário de alguns países do continente, a Copa Libertadores da América será retomada nesta terça-feira, 7 de agosto. Atual campeão do torneio, o Grêmio foi o time escolhido para fazer a bola rolar novamente. Vai enfrentar o Estudiantes, da Argentina, abrindo a rodada de ida das oitavas de final.

Marcado para 21h45 (horário de Brasília), o duelo será realizado no estádio Ciudad de La Plata, em La Plata.

Nessa etapa, os jogos são realizados no sistema de ida e volta e utilizam o gol assinalado fora de casa como critério de desempate. A segunda partida deste duelo foi agendada para 28 de agosto, na Arena Grêmio, em Porto Alegre.

Tricolor perde seu melhor atacante na temporada

O Grêmio tem priorizado as disputas de copas colocando equipes reservas nos jogos do Brasileirão. Dessa maneira, preserva seus principais jogadores para as partidas tanto da Copa Libertadores quanto na Copa do Brasil. Isso permitiu ao técnico Renato Gaúcho contar com quase todo seu elenco à disposição para o confronto desta terça-feira.

O ‘quase’ ficou por conta da ausência do atacante Everton. Com dores musculares, o atacante não conseguiu participar dos treinamentos e acabou sendo vetado pelo departamento médico. É uma baixa considerável. Everton tem sido um dos principais jogadores do tricolor gaúcho na temporada. Levando em consideração todas as competições, assinalou 11 gols e deu cinco assistências.

Everton
O veloz atacante Everton é o único desfalque do Grêmio para a partida na Argentina

Considerando-se o cenário esperado para a partida desta terça-feira, sua ausência deve ser ainda mais sentida, uma vez que é o principal alvo das jogadas de contra-ataque em velocidade que o clube de Porto Alegre usa para furar as defesas inimigas.

O Grêmio está invicto no torneio. Na fase de grupos, ficou em primeiro lugar na chave A ao alcançar 14 pontos (quatro vitórias e dois empates). Foi a segunda melhor campanha comparando-se os 16 times que conseguiram sobreviver. Dessa maneira, os gaúchos terão a oportunidade de decidir em casa a não ser que o Palmeiras seja o adversário.

Time argentino está em início de temporada

A situação de preparação do Estudiantes é bem diferente. Enquanto o clube brasileiro tem calendário lotado com jogos todos meios e finais de semana, a Argentina está em seu período de início de temporada, uma vez que o país usa o calendário no padrão europeu.

Dessa maneira, o time de La Plata fez apenas uma partida oficial depois das férias. Pela Copa da Argentina, derrotou o frágil Central de Córdoba, por 4 a 0. O confronto foi realizado em 24 de julho. Isso permitiu um largo período visando apenas a preparação para o duelo desta terça-feira.

O Estudiantes teve muita dificuldade para conseguir a vaga nas oitavas de final da Libertadores

Isso, naturalmente, aumenta o grau de insegurança sobre as surpresas que podem ser apresentadas para reverter o favoritismo gaúcho. Na fase de grupos, a equipe garantiu a classificação com muita dificuldade. Somou oito pontos (duas vitórias, dois empates e duas derrotas) na chave F.

Foi superado pelo Santos, que garantiu o primeiro lugar ao alcançar dez pontos, e apresentou a mesma pontuação que o Club Nacional, do Uruguai. Só garantiu sua sobrevivência por levar a melhor no saldo de gols (dois a um).

O vencedor desse duelo terá pela frente nas quartas de final quem levar a melhor no confronto envolvendo Atlético Tucumán, da Argentina, e Atlético Nacional, da Colômbia. Os colombianos têm a vantagem de realizar o segundo jogo, que está agendado para 28 de agosto, em seus domínios. A primeira partida será realizada na quinta-feira, 9 de agosto, no estádio Monumental José Fierro.