Mês do calendário louco começa a provocar danos no Brasileirão

36
Flamengo x São Paulo
O São Paulo, de Diego Souza (à dir.), deve priorizar o Brasileirão e seu duelo cabeça a cabeça com o Flamengo pelo título

Agosto é o mês do calendário louco no futebol nacional. Alguns dos principais clubes do país terão jogos todos os meios e finais de semana. Até aí, nenhuma grande novidade. A diferença é que competições como Copa Libertadores da América, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana entram em seus estágios decisivos.

Assim, para preservar seus melhores jogadores e aumentar a chances de conquistar títulos no mata-mata, o Campeonato Brasileiro acaba ficando em segundo plano.

Isso significa a colocação de equipes mistas ou até mesmo inteiramente reservas no torneio mostrando, na prática, que é a competição menos valorizada pelos clubes, apesar de ser aquele que garante os maiores recursos com a venda de direitos de transmissão pela TV.

A debandada será aberta pelo Grêmio, que interessado no duelo contra o Flamengo pela Copa do Brasil, vai mandar reservas para enfrentar a Chapecoense, em Chapecó.

Campeonato Brasileiro perde importância na comparação com outros torneios

Essas decisões afetam também a justiça e o equilíbrio do torneio. Enquanto outros times tiveram que encarar o melhor que há no elenco gremista, a Chape, que está na zona de rebaixamento, terá seu caminho facilitado para escapar da região da degola. Para quem gosta do bom futebol, isso diminui as opções de encontrar bons espetáculos.

Renato Portaluppi
O técnico Renato Gaúcho, do Grêmio, comanda a debandada do Brasileirão colocando um time reservas no torneio

Então, vejamos a seguir o que parece ser o melhor da décima seta rodada do Brasileirão, que começa neste sábado, 28 de julho, com o duelo envolvendo Ceará x Fluminense, e vai prosseguir até segunda-feira, 30 de julho, para quando está marcado o duelo Bahia x Atlético-MG.

Cruzeiro x São Paulo

Marcado para 16h (horário de Brasília) de domingo, 29 de julho, no Mineirão, o clássico é a grande atração da jornada número 16. O Cruzeiro se divide entre três competições, mas poupou atletas na partida da última quarta-feira, 25 de julho, quando perdeu por 2 a 0 para o Corinthians. Assim, o técnico Mano Menezes deve colocar em campo uma equipe bem próxima daquela que é considerada titular.

Thiago Neves
Dividido entre três torneios, o Cruzeiro preservou Thiago Neves e outros atletas importantes para o duelo com o São Paulo

O São Paulo, que está na Copa Sul-Americana, sabe que o Brasileirão é a prioridade e sua melhor chance de conquistar um título na temporada. Dessa maneira, também deverá ir com força total para Belo Horizonte aumentando o interesse em torno do jogo que vale posições na ponta da tabela de classificação.

Vasco x Corinthians

As duas equipes têm recursos técnicos e financeiros extremamente limitados. O Vasco, que se divide entre a Sula e o Brasileirão, claramente sinalizou o torneio nacional como prioridade ao poupar seus atletas do confronto de meio de semana contra a LDU, no Equador. Perdeu por 3 a 1, mas terá seus melhores atletas disponíveis em ação no domingo, às 11h, contra o time paulista no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Vasco da Gama
O Vasco mandou equipe mista para o Equador e preservou seu melhor time para o Brasileirão

O Corinthians ainda não mostrou claramente como pretende usar suas cartas na reta final de temporada. Porém, a pressão em torno do técnico Osmar Loss não permite correr riscos. Isso indica que o time principal deverá ser colocado em campo, até porque o clube tem um compromisso dos menos complicados na Copa do Brasil. Vai disputar um lugar nas semifinais com a Chapecoense.

Internacional x Botafogo

A bola vai rolar às 16h no estádio da Beira-Rio, em Porto Alegre, para o terceiro clássico da rodada. O Internacional é outro time com foco exclusivo no Brasileirão e não tem motivos para poupar seus atletas. O mesmo acontece com o Botafogo, ainda que no caso do alvinegro da estrela solitária os recursos sejam bem mais limitados na comparação com o milionário elenco do Colorado.