Quatro candidatos a líder em campo no Brasileirão

53
Brasileirão rodada 4
Arboleta (foto) terá Bruno Alves como colega de zaga neste sábado

Duas partidas vão abrir na noite deste sábado, 5 de maio, a quarta rodada do Campeonato Brasileiro em sua temporada 2018. A partir das 19h (horário de Brasília), a bola vai rolar no Morumbi, em São Paulo, para o confronto em que o Tricolor Paulista vai encarar o Atlético-MG. No mesmo horário, em São Januário, no Rio de Janeiro, um Vasco, em crise, recebe o América-MG, que começou com o pé direito sua luta contra o ‘efeito iôiô’.

Brasileirão rodada 4
Sem o Flamengo, líder, de Henrique Dourado em campo, os quatro times em atuação neste sábado no Brasileirão podem tomar a ponta

Como o Flamengo, que fechou a jornada de número três na ponta da competição com sete pontos, todos os quatro clubes que estarão em ação neste sábado têm a oportunidade de tomar a ponta, ainda que a liderança dure apenas uma noite. O rubro-negro vai encarar, no Maracanã, o Internacional no domingo, 6 de maio.

São Paulo fica sem Rodrigo Caio para segurar o Galo

Lesionado no empate sem gols que o São Paulo obteve em Fortaleza, contra o Ceará, o zagueiro Rodrigo Caio mais uma vez será desfalque contra o Galo. Ele já não participou do encontro com o Fluminense, pela terceira jornada, que foi disputado no Rio de Janeiro e terminou empatado por 1 a 1.

Brasileirão Rodada 4
Machucado, Rodrigo Caio desfalca o São Paulo contra o Atlético-MG

O departamento médico até sinalizou que o atleta tinha possibilidades de ser liberado para atuar neste sábado. No entanto, optou-se por uma atitude mais conservadora visando preservá-lo para a partida de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana contra o Rosário, que está marcada para a quarta-feira, 9 de maio.

Bruno Alves segue ao lado de Arboleta

Dessa maneira, o técnico uruguaio Diego Aguirre deve manter Bruno Alves na zaga formando dupla com o equatoriano Arboleta. Isso não significa, todavia, que o sistema defensivo com três zagueiros visando popular o meio-campo com cinco ou seis jogadores está descartado.

Isso porque Militão, que tem atuado como lateral-direito, é zagueiro por formação e pode compor essa primeira linha defensiva dando mais liberdade para os avanços do lateral-esquerdo Reinaldo que, recuperado de contusão, está liberado para jogar.  Com cinco pontos acumulados (uma vitória e dois empates), o São Paulo precisa da vitória para poder assumir a liderança do Campeonato Brasileiro.

Brasileirão rodada 4
Arboleta (foto) terá Bruno Alves como colega de zaga neste sábado

A provável escalação do São Paulo para a partida é Sidão; Militão, Arboleda e Bruno Alves; Régis, Jucilei, Petros (Liziero) e Reinaldo; Nenê, Everton e Diego Souza.

Sula também pode afetar escalação do Atlético-MG

O alvinegro de Belo Horizonte também tem compromisso Copa Sul-America. Até mais cedo que o do Tricolor Paulista. Vai receber o San Lorenzo, outro time da argentina, na terça-feira, 8 de maio. Sua situação na disputa também é pior. Enquanto o São Paulo empatou com o Rosário e precisa da vitória simples, o Galo foi batido por 1 a 0 na partida de ida e necessita de dois gols de vantagem para conseguir passar para a segunda fase.

Isso pode fazer com que o técnico Thiago Larghi, que está prestes a completar três meses de interinidade no cargo, opte por preservar alguns jogadores. Ainda que tal medida não tenha sido anunciada oficialmente, o maior candidato a ganhar uma folga é o veterano atacante Ricardo Oliveira.

Isso permitiria ao treinador não apenas preservar o atleta, considerado fundamental para buscar a melhora da produção ofensiva contra o San Lorenzo, como também abriria a possibilidade do aumento de número de meio-campistas para bloquear o São Paulo neste sábado. Nessa formação, Roger Guedes ficaria isolado na frente.

Porém, ao menos a princípio, Larghi indica a manutenção de Ricardo Oliveira no time. Assim, a equipe provável do Atlético-MG é Victor; Patric, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson; Otero, Gustavo Blanco, Luan e Róger Guedes; Ricardo Oliveira.

Brasileirão rodada 4
Luan está confirmado no Galo para encarar o Tricolor

Com seis pontos (duas vitórias e uma derrota), o Galo também precisa da vitória para superar o Flamengo. Embora o empate possa deixar os times em igualdade de número de pontos, o rubro-negro leva vantagem no saldo de gols.

Protestos da torcida aumentam tensão no Vasco

O Vasco teve uma semana bastante tumultuada na preparação para encarar o América-MG. Na quarta-feira, 2 de maio, em São Januário, o time foi goleado por 4 a 0 pelo Cruzeiro sendo eliminado, com uma rodada de antecipação, da Copa Libertadores da América.

Com uma equipe bastante limitada, a eliminação vascaína até era esperada. O que não se aguardava era que o time tomasse três goleadas, todas elas por 4 a 0, em suas seis últimas partidas. A primeira dessas derrotas vexatórias aconteceu ainda na fase de classificação, na Bolívia,  contra o Jorge Wilsterman. A série foi engordada pelo Racing, na Argentina, que ainda desperdiçou duas cobranças de pênalti no jogo.

Brasileirão rodada 4
A goleada sofrida diante do Cruzeiro deixou o clima tenso no Vasco

Houve briga entre torcedores no jogo contra o Cruzeiro e os protestos continuaram na sexta-feira, 4 de maio, com cerca de 40 integrantes de torcidas organizadas invadindo São Januário. Foram expulsos a tiros pelos seguranças do clube.

Time deve sofrer mudanças para encarar o Coelho

Isso certamente atrapalhou a preparação pensada pelo técnico Zé Ricardo, um dos abordados pelos invasores. Ele deve promover mudanças no time. Uma certa é o retorno do volante argentino Desábato. Ele não enfrentou o Cruzeiro por estar suspenso.  Bruno Silva volta para o banco de reservas.

Quem também deve ganhar vaga entre os titulares são Rafael Galhardo e Wágner, recuperado de gripe. Vão ocupar os lugares abertos por Evander, com dores na coxa direita, e Rildo, com luxação no ombro esquerdo. O provável time do Vasco para a partida é Martín Silva; Rafael Galhardo, Paulão, Werley e Henrique; Wellington e Desábato; Yago Pikachu, Thiago Galhardo e Wagner; Andrés Ríos.

Dos quatro times que entram em campo neste sábado, o Vasco é quem está em situação mais difícil para passar a noite na liderança. Tem quatro pontos ganhos (uma vitória e um empate) na classificação. Seu jogo contra o Santos pela terceira rodada, foi adiado para depois da Copa do Mundo da Rússia de 2018. Assim, para superar o Flamengo, precisa vencer e superar os rubro-negros no saldo de gols. No momento, está em desvantagem de 5 a 1.

América-MG ganha as duas primeiras em casa

A situação do América-MG é completamente oposta. Depois de dois rebaixamentos logo após subir para a Série A, o time mineiro dá sinais de que não será novamente afetado pelo ‘efeito iôiô’ na terceira oportunidade que tem de disputar a Primeira Divisão do Brasileirão desde que o torneio passou a adotar a fórmula de pontos corridos.

Alcançou seis pontos com duas vitórias em casa diante de rivais que são considerados adversários diretos na luta contra o rebaixamento (Sport e Vitória). Assim, pode buscar pontuar no Rio de Janeiro sem sofrer grande pressão.

O Coelho não contará com o experiente volante Leandro Donizete. Ele foi expulso na partida contra o rubro-negro baiano e terá que cumprir suspensão automática. Além disso, Lima e Matheusinho, machucados, estão fora dos planos do técnico Enderson Moreira. Quem deve retornar ao time, recuperado de contusão, é o goleiro João Ricardo.

Dessa maneira, a provável equipe do América-MG para a partida da noite deste sábado em São Januário é João Ricardo; Norberto, Messias, Rafael Lima e Carlinhos; Juninho, Wesley, Serginho, Marquinhos e Ailon; Rafael Moura.

Empate e vitória mineira podem garantir bom retorno em apostas

A preocupação de São Paulo e Atlético-MG com a disputa Sul-Americana pode fazer com que o duelo não seja disputado em grande intensidade. Isso faz com que a igualdade seja uma boa opção de palpite. Na plataforma de apostas de Sportingbet, essa possibilidade tem cotação de 3,10.

Para o duelo de São Januário, a pressão nas costas dos jogadores vascaínos transforma o palpite na vitória do Coelho uma opção viável. Ela proporcionaria retorno de 3,90 para cada real apostado.