São Paulo e Flamengo brigam pelo topo do Brasileirão

52
Flamengo x São Paulo
Depois de derrotar o Flamengo, por 1 a 0, no Maracanã, o São Paulo tem a chance de superar o rubro-negro na briga pela liderança do Brasileirão

O festival de clássicos disponibilizado pela tabela do Campeonato Brasileiro para o retorno da competição depois da paralisação para a Copa do Mundo da Rússia prossegue neste sábado, 21 de julho, com a abertura da 14ª rodada do torneio em sua temporada 2018.

A partir das 19h (horário de Brasília), no Maracanã, o Flamengo terá o Botafogo pela frente. Às 21h, no Morumbi, será a vez de São Paulo x Corinthians.

Na jornada anterior, entre os seis clássicos agendados, sendo três nacionais e três regionais, o principal encontro foi entre São Paulo e Flamengo, na capital carioca, que terminou com a vitória dos paulistas por 1 a 0. Dessa maneira, a distância entre eles na classificação foi reduzida para um ponto, o que propiciou a repetição do duelo neste sábado, ainda que em gramados diferentes, mas valendo a liderança do Brasileirão.

Flamengo x Botafogo

O rubro-negro, que tem 28 pontos, vai entrar em campo primeiro tendo a obrigação da vitória para evitar que sua liderança seja ameaçada. Para isso, contará com reforços. O meia colombiano Cuellar e o atacante Henrique Dourado, que não puderam enfrentar o São Paulo devido à suspensões, estão liberados para voltar a atuar.

Henrique Dourado
Depois de cumprir suspensão, Henrique Dourado está liberado para reforçar o Flamengo

O atleta da Colômbia deve ser relacionado entre os titulares. Até porque Rômulo, que foi o escolhido para substituí-lo, não conseguiu apresentar bom desempenho contra o tricolor paulista e acabou sacado no segundo tempo.

Já Dourado deve mesmo ficar no banco de reservas. Ele já vinha perdendo espaço com o técnico Maurício Barbieri antes da parada do Brasileiro para o Mundial. Depois da Copa, ganhou dois concorrentes. Paolo Guerrero está liberado da suspensão por uso de substância irregular e Fernando Uribe foi contratado para o ataque.

O Botafogo também não teve um bom reinício de temporada. Levou 2 a 0 do Corinthians na quarta-feira. Com 17 pontos, está na décima posição e preocupado com a aproximação dos times que estão na zona de rebaixamento. O técnico Marcos Paquetá, no entanto, não tem grandes recursos técnicos à disposição e deve manter a base que encarou os corintianos.

São Paulo x Corinthians

O tricolor tem 27 pontos e necessita, além da vitória no clássico, de que o Flamengo tropece para que consiga passar a noite de sábado na liderança do Campeonato Brasileiro. Porém, para atingir seu objetivo, terá que superar um grande número de dificuldades. Três jogadores que são usados regularmente entre os titulares estão fora de combate para o Majestoso.

Everton
Suspenso pelo acúmulo de cartões amarelos, Everton está fora do Majestoso

O goleiro Sidão e o meia Everton, autor do gol que determinou a vitória diante do Flamengo, não podem entrar em campo devido ao acúmulo de cartões amarelos. A terceira baixa é médica. O volante Jucilei deixou o Maracanã com dores na coxa e teve constatada uma lesão muscular. Deve ficar afastado dos gramados pelo menos até agosto.

A situação no meio-campo se agrava com a perda de Araruna. Ele seria o substituto natural de Jucilei, mas foi expulso no jogo diante do Flamengo e também terá que cumprir suspensão automática.

Para evitar mais uma baixa, o São Paulo exigiu que o zagueiro e lateral-direito Militão, que foi negociado com o Porto, de Portugal, disputasse o clássico antes de seguir para fazer exames médicos.

O Corinthians, que tem 19 pontos e precisa da vitória para alcançar a zona de classificação para a próxima edição da Copa Libertadores da América, tem dúvida no comando de ataque. Roger, que teve atuação fraca contra o Botafogo, pode perder o lugar para Jonathas, recém-contratado, que entrou no segundo tempo do jogo de quarta-feira e deu mais movimentação ao ataque corintiano.