Atlético-MG e Flamengo buscam continuar no topo em clássicos

60
diego everton flamengo

Dá para argumentar que o maior clássico do Rio de Janeiro é Flamengo e Vasco – sem, obviamente, desrespeitar o Fla-Flu. E com certeza em Minas a maior rivalidade é entre Cruzeiro e Atlético-MG. E esses dois clássicos vão acontecer neste sábado na primeira parte da 6ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Galo e o Flamengo estão na liderança da competição, com 10 pontos e sem dúvidas querem manter essa posição no topo e começar a abrir uma vantagem para os times mais perto do meio da tabela antes da parada para a Copa. Isso pode ser vital para garantir uma vaga na Libertadores por exemplo.

Flamengo quer aproveitar bons ventos

Depois de seguidas campanhas pífias na Libertadores, com a eliminação na primeira fase na temporada passada como o pior momento, o Flamengo conseguiu garantir sua classificação com uma rodada de antecedência no meio de semana. Com a vitória contra o Emelec, com grande atuação de Éverton Ribeiro, o jogo contra o River Plate não é mais de vida ou morte.

Por isso o time carioca pode voltar suas atenções para o Campeonato Brasileiro mais tranquilo. A equipe aproveitou o começo de competição enfrentando quase todos os times que subiram da Série B: vitórias contra Ceará, Internacional e América-MG. A derrota para a Chapecoense veio com o time reserva. E agora aqui está o maior desafio do Fla neste Brasileirão, seu arquirrival Vasco.

O time irá de força máxima, com Diego, Éverton Ribeiro e Vinicius Junior alimentando Henrique Dourado. Com 11 gols, o ataque do Flamengo é o melhor da competição até o momento. E o Vasco pode ter sérios problemas para segurar esse quarteto.

A torcida do cruz-maltino está plenamente ciente das múltiplas goleadas levadas neste ano. O 4 a 0 contra o Racing e depois o mesmo placar, contra o Cruzeiro, em casa, tiraram o time da Libertadores ainda na primeira fase. E agora a equipe de Zé Ricardo precisa desesperadamente do Campeonato Brasileiro, já que levou uma sacolada do Bahia no jogo de ida da Copa do Brasil (3 a 0).

Mas nem tudo é depressão: a equipe tem sete pontos, vai contar com Thiago Galhardo de volta ao meio-campo e consegue fazer jogos duros com o Flamengo, mesmo com um orçamento muito menor e times menos talentosos. O jogo do Vasco será dificultar o jogo do Flamengo e fazer quando tiver a oportunidade. A péssima fase da zaga e sistema defensivo em geral não permite que o time jogue de igual para igual.

elias atletico mg
Elias será titular do Atlético contra o Cruzeiro e como veterano, precisa ser um dos agentes da mudança

Atlético-MG busca paz com a torcida

O Atlético-MG sofreu mais uma eliminação no meio dessa semana: depois de cair na Copa Sul-Americana, perder o título mineiro para o Cruzeiro, agora a equipe está fora da Copa do Brasil, eliminado pela Chapecoense nos pênaltis.

Resultado: é claro que a torcida não está feliz. Mas o bom do futebol é que sempre tem um jogo na semana para tentar se recuperar e o Galo vai receber logo o Cruzeiro, no Independência. Uma vitória irá acalmar a torcida e a pressão sobre o time de Thiago Larghi e fará a equipe chegar a 13 pontos, assumindo a liderança isolada até Corinthians e Flamengo jogarem.

O problema é que o Cruzeiro, do outro lado, está comendo a bola. Líder do grupo na Libertadores, vindo de seguidas goleadas e duas vitórias seguidas no Brasileiro, o time de Mano Menezes pode chegar a 10 pontos neste fim de semana e ainda jogar seu arquirrival do penhasco. Mas com um duelo na terça para definir se fica em primeiro ou segundo contra o Racing, a equipe irá poupar seus principais jogadores.

Ou seja, a obrigação está toda do lado do Atlético-MG. É bom eles aproveitarem.