Amarrando as pontas: Juventus se complica, Corinthians segue +/-

16
Godin Gimenez Atletico de Madrid

O post de quinta-feira da semana passada foi para amarrar as pontas. Eu e Gabriel Gifoli falamos de todos os jogos e competições que existem no Planeta Terra antes de acontecerem, então é bom poder olhar para o que aconteceu e falar sobre isso.

Na terça e quarta-feira tivemos jogos da Champions League, Copa Libertadores e Copa do Brasil. Vamos falar um pouco de todas, especialmente da UCL.

Eu ziquei os jogos

Na terça-feira eu disse que esta semana seria muito melhor que a anterior para a Champions. Argumentei que além do jogaço entre Liverpool e Bayern, ainda tinha Barcelona em campo contra o bom Lyon e uma partia subestimada entre Atlético de Madrid e Juventus.

A terça acabou com dois 0 a 0. E não porque não teve gol que foi decepcionante, mas sim o nível das partidas. O Barcelona não jogou bem, especialmente no primeiro tempo. E os desfalques de Bayern e Liverpool parecem ter tirado um pouco do brilho dos dois.

Ainda bem que a quarta-feira compensou. O Manchester City abriu o placar em falha da defesa do Schalke, mas nos minutos finais do primeiro tempo cometeu dois pênaltis, o primeiro deles “visto” pelo VAR. Os alemães venciam por 2 a 1 no intervalo.

Mas de novo o fim de tempo foi brutal. O City empatou aos 40 e o que seria bom se tornou ótimo com o gol da vitória de Sterling. O Schalke, com seu treinador de 33 anos (Domenico Tedesco) foi um excelente oponente. Agora é bem difícil que o time passe. Na Betfair ela paga 34 para 1.

Já o Atlético de Madrid me deu orgulho. Eu disse que esse era um time orgulhoso e que amava vencer os grandes da Europa. Eu indiquei o 0 a 0 como uma boa aposta, eu sei, mas o placar estava assim até depois dos 30 do segundo tempo. Mas aí os zagueiros Godin e Gimenez resolveram complicar a vida da Juventus.

O 2 a 0 é reversível, ainda mais quando se tem Cristiano Ronaldo. Mas é incrível como a Juventus não consegue levar seu domínio nacional para a Europa, mesmo com o melhor fazedor de gols do mundo em sua esquadra. Aí fica difícil contrariar a tese que a Juve domina na Itália não porque é incrível, mas porque o Calcio está na lona.

A classificação da Juventus paga 4 para 1 na Betfair. Se você realmente acredita em CR7, aqui está uma excelente opção.

Copa Libertadores

Vou falar bem pouco aqui. O Atlético-MG teve uma clara evolução em relação ao duelo anterior da Copa Libertadores, quando empatou com os uruguaios do Danubio e ainda sofreu no fim, como mandante, depois de ter aberto 3 a 0.

Ontem contra os também uruguaios do Defensor, o gol aos 10 minutos de Rever já deu tranquilidade. Cazares basicamente definiu o Hotel para os jogos da fase de grupos e quase escolheu o café da manhã que o time tomará antes de enfrentar o…. Nacional do Uruguai. Não estranhe se o time voltar tomando Mate, só comendo carne e com uma camiseta do Mujica.

Corinthians segue bem mais ou menos

henrique corinthians
O Corinthians teve que correr atrás logo de cara; o time segue jogando mal

Sim, mais ou menos é o que quis dizer no título do post. Eu estava todo animado para ouvir o que o Mauro Cezar ia dizer do Corinthians depois do jogo de ontem contra o Avenida. No fim ele pegou leve, disse que o Timão criou bastante.

É verdade, o Corinthians criou muito mais que nos últimos jogos, mas segue dependendo demais de bola aérea, o miolo de zaga continua horrível e se existisse um Deus no futebol, o jogo de ontem iria para os pênaltis.

Só ver as jogadas dos gols do Corinthians. Chuveiro na área, gol horrível do Henrique. Bola parada, gol de Danilo Avelar e o terceiro gol então, uma coisa horrorosa do Junior Urso.

Os torcedores mais cegos vão só me chamar de anti. Mas nem estes podem negar que o Corinthians deveria estar jogando muito mais no fim de fevereiro. Não é para o Vagner Love ir pegar bola com os zagueiros, isso é coisa para o Sornoza. Fagner não está bem, a zaga com Henrique e Manoel é de dar medo e Clayson simplesmente não dá.

Comentários do Facebook