Acalme-se torcedor de Corinthians, Flamengo e Palmeiras

30
flamengo torcida

O futebol brasileiro voltou de verdade neste fim de semana com a estreia dos principais estaduais. O torcedor de Grêmio e Atlético-MG já conseguiu ficar empolgado com as goleadas de seus times. O do Santos pode ficar ligeiramente animado com o estilo de jogo de Sampaoli que já começa a ser visto, mesmo com peças completamente limitadas. Até quando ele dura só Deus sabe, mas se este humano tiver que palpitar, sua paciência já deve estar se esgotando.

Mas este post é para falar de Flamengo, Palmeiras e Corinthians. O rubro-negro venceu, mas já podemos tratar de um assunto. Palmeiras e Corinthians ficaram no empate. Óbvio que na primeira data do ano não dá para entrar em desespero ou ficar analisando demais. Mas há algumas coisas que valem a pena ser discutidas.

Rodrigo Caio: ele é bom?

A torcida do São Paulo não aguentava mais Rodrigo Caio no fim de 2018, especialmente porque a volta dele depois de perder o começo do ano coincidiu com a queda livre do tricolor no Brasileiro.

Óbvio que a culpa não era só dele, mas o jogador que chegou à seleção brasileira e se destacou como um bom zagueiro, especialmente pela sua boa saída e posicionamento, não existia mais. Só se via um jogador que perdia no físico, tinha erros bobos e ainda gerava manchetes demais.

O Flamengo pagou para ver se o Rodrigo Caio que chegou na Seleção ainda existia. E pagou bastante: 22 milhões de reais. Ou seja, é uma contratação que mesmo para um Flamengo endinheirado precisa dar certo.

Novamente, estamos falando do primeiro jogo. Mas ele não pode deixar um jogador do Bangu fazer o que fez no primeiro gol. Os mais apressados já estão cornetando. Óbvio que é exagero. Mas não é exagero pensar se Rodrigo Caio, primeiro, vale tudo isso e segundo, se ele é mesmo um zagueiro que pode ser acima da média.

Corinthians: vamos observar os reforços

fabio Carille
O trabalho de encaixar os reforços não será fácil para Carille

O Corinthians se reforçou bastante para a temporada 2019, então além da chegada de Fabio Carille, há ainda mais para acomodar. Ramiro e Sornoza tiveram algumas dificuldades, Andre Luis foi sacado no intervalo, Gustavo Silva entrou bem e Richard teve alguns erros bobos, inclusive ao fazer o pênalti do São Caetano.

O torcedor que foi à Arena viu o time mais similar ao de 2018 que o de 2017 com Carille, mas pelo menos o time não voltou a perder em seu estádio, empatando no último lance. Novamente, o resultado não é de grande importância, mas vale observar que os reforços não são craques que chegam para decidir. Se eles vão ser úteis como complementos a atletas como Jadson, Fagner e até Pedrinho, é isso que iremos ver.

O time será favorito na Betfair contra o Guarani, mesmo sendo em Campinas. Veremos se há uma evolução.

Palmeiras: nada a declarar

O time empatou com o Red Bull Brasil jogando com sua força máxima, depois de meses ameaçando jogar comum time mais do que alternativo e chamando o campeonato de Paulistinha.

Aqui não tem muito a falar porque nem reforços estrearam: só Felipe Pires foi a campo. Ricardo Goulart ainda não está perto de voltar, só para citar um.

Comentários do Facebook