Não desdenhe do Estadual: ainda há razões para se importar com eles

97
tiago volpi são paulo

O fim de semana basicamente decidiu as finais dos principais estaduais do país. A única pendência é o Santos x Corinthians que será disputado na noite desta segunda. Falaremos do jogo mais adiante.

O post de hoje é endereçado para quem desdenha do Estadual. Curiosamente, o time que mais fez isso foi eliminado em casa. E vaiado na saída do gramado. A bola pune, como já diria Muricy Ramalho.

O Estadual ainda serve

A maioria dos treinadores é que não tem capacidade para usar isso. O Campeonato Paulista, Carioca, Mineiro e Gaúcho pode ser um excelente período de preparação e treino. Há a pressão por resultados, rivais que têm pretensões e alguns clássicos.

Achar seu time no Estadual é muito melhor do que ficar treinando a portas fechadas só esperando a Libertadores e Brasileirão. Dá para treinar mais alternativas, ver desempenho em jogos, seja físico ou mental, e achar jogadores que podem servir no decorrer do ano.

Olha o São Paulo. O time encontrou Antony e Igor Gomes agora e eles suportaram o Allianz Parque e o atual campeão brasileiro com personalidade. Agora o clube pode montar seu elenco pensando neles e ainda Pato, Tchê Tchê e as recuperações de Pablo e Hernanes.

Para Grêmio, Atlético-MG e Flamengo, o Estadual também serve para rolar a bola depois de maus resultados e desempenhos na Libertadores. Claro que não pode servir como consolo ou tirada de atenção, mas poder jogar logo depois de uma derrota e seguir tentando encontrar seu time tem seu valor.

Não tenho dúvidas que os Estaduais têm sua necessidade. Além do que citei acima, ainda movimenta o futebol do interior e são campeonatos centenários. Eles só precisam diminuir de tamanho. De 8 a 12 datas seria o perfeito.

O Palmeiras é o problema

Ou melhor dizendo, Felipão é o problema. Ontem tivemos mais um caso patético para a conta do treinador de 70 anos, que admitiu ter pensado tirar o time de campo depois do VAR entrar em ação e anular um gol de Deyverson. O gol foi anulado corretamente.

Depois de todo o xilique dado pelo Paulista do ano passado, quando um pênalti mal marcado foi desmarcado e a equipe perdeu em casa para o Corinthians, o Palmeiras chegou para o torneio com toa a soberba do mundo. Chamou de Paulistinha, disse que usaria sub-23, no fim entrou com os titulares e se fez duas partidas dignas foi muito.

A torcida não é burra e ficou P da vida com a desclassificação para um São Paulo que estava na lona no começo de março. A torcida vê que a equipe tem Scarpa, Dudu e Ricardo Goulart mas produz como se tivesse Betinho, Luan e Daniel Carvalho.

O Vasco é um exemplo do que não fazer

Não é de hoje que o Vasco parece usar o Estadual para fechar seu ano, o maior erro possível. A equipe se iludiu nos últimos anos com a conquista do Estadual e o segundo semestre sempre traz duras realidades.

Neste ano, a equipe chega à final para encontrar seu arquirrival Flamengo mais uma vez. Mas o treinador parece brigado com o elenco e o elenco deu entrevista coletiva ontem para falar sobre salários atrasados e ter vazamento para a imprensa.

Mesmo com um título do Carioca, a equipe chega para o Brasileiro com enorme turbulência. Isso não é saber usar o Estadual.

Santos x Corinthians

jean mota santos corinthians
Santos x Corinthians vão decidir quem fará a final com o São Paulo

Todos os ingressos já foram vendidos para o jogo no Pacaembu nesta segunda. A promessa é de jogão, já que o Santos de Jorge Sampaoli terá que se expor e o Corinthians de Fabio Carille sempre soube explorar isso.

A pressão é maior para o Santos, já que depois de tantos elogios e boas vitórias, a equipe derrapou nas últimas semanas. Depois de perder por 2 a 1 para o Corinthians, a equipe praiana foi derrota pelo Atlético-GO na Copa do Brasil por 1 a 0.

Ambos os resultados são reversíveis. A vitória do Santos paga 1,85 e a do Corinthians paga 4 para 1 na Betfair.

Comentários do Facebook