United acorda do sono profundo e pode “causar”

16

O meu colega Gabriel deu destaque para o Tottenham x Manchester United e foi feliz nisso: o duelo na Premier League foi realmente incrível, com o United saindo vitorioso em Londres com uma atuação espetacular de David de Gea.

Depois da saída de José Mourinho e com Ole Gunnar Solskjær assumindo, foram seis jogos e seis vitórias. Com o Manchester United acordado depois de anos sendo uma força secundária ou até pior na Inglaterra e Europa, onde a equipe pode chegar?

Na Premier League o título já está longe demais

Apesar desse bom momento, o título da Premier League já está muito longe, com o Liverpool tendo 16 pontos de dianteira com 16 rodadas faltando.

Porém, um excelente objetivo que dá para ser traçado é uma vaga para a Champions League da próxima temporada. O Tottenham, rival do domingo e o Chelsea são o terceiro e quarto colocados no momento com 48 e 47 pontos, alcançáveis para quem tem 41 como os Red Devils.

Você acha que é realizável? Então na Betfair você pode apostar que o time de Paul Pogba ficará no top 4 e terá uma bela odd para correr esse risco: 3,25 para 1.

Dá para notar que o United começa a ser mais respeitado só olhando os números dessa possibilidade de top 4. O Arsenal, que também tem 41 pontos e nos critérios de desempate está à frente do time de Manchester, paga 6,5 para 1, muito mais. Ou seja, os apostadores e a Betfair confiam muito mais no sexto que no quinto.

Paul Pogba
Pogba voltou a jogar e ficou claro que o problema era com Mourinho

Mas por que isso?

O investimento do United nas últimas temporadas foi grande, mesmo não estando à altura do rival de cidade – Manchester City – ou ser considerado suficiente por Mourinho. Um dos investimentos foi Pogba, que depois que o português saiu fez 4 gols, deu cinco assistências e já disse que está jogando com felicidade novamente.

Com o francês de maestro e De Gea mantendo o nível que teve contra o Tottenham é perfeitamente cabível que o time suba na tabela, já que o Chelsea tem uma defesa ótima, mas o ataque anda sofrendo para produzir, como visto na derrota em casa para o Leicester e no empate sem gols, também em Londres, para o Southampton.

E na Champions League?

A Champions League é ao mesmo tempo um sonho mais distante e com maiores chances de acontecer. Sim, vai entender.

Mais distante porque a concorrência é ainda mais dura. Se na Premier League tem City, Tottenham e Liverpool, na Europa pode botar o PSG, o atual tricampeão Real Madrid, o Barcelona de Messi e ainda a Juventus de Cristiano Ronaldo.

E para a Betfair ainda tem Borussia Dortmund – líder do Alemão -, Atlético de Madrid, Bayern de Munique até chegar a odd do Manchester United pagando 34 para 1.

E isso é justo considerando a bolinha que o time estava jogando e o rival das oitavas, o Paris Saint-Germain.

Por que eu disse que é mais próximo então que vencer a Premier League? Porque é mata-mata. Porque o PSG, mesmo com Neymar e todos os caminhões de dinheiro, está longe de ser dominante em um gramado não-francês. E porque até times que jogam mal domesticamente podem vencer a competição, como o Real Madrid provou na temporada passada.

Você gosta de riscos? 34 para 1 é bastante bom.

Comentários do Facebook